Cidade - Centro 1

Remoção de veículos irregulares aumenta 50% e garante mobilidade urbana

Remoção de veículos irregulares aumenta 50% e garante mobilidade urbana

A Secretaria de Transporte e Trânsito (Settra) da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF), através do Departamento de Fiscalização de Transporte e Trânsito (DFTT), removeu 93 veículos por infração ou situação irregular em novembro. O número representa aumento de 50%, quando comparado ao mês anterior. Em outubro foram 62 remoções. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, 6, pela pasta.

Com este trabalho, a Settra tem conseguido melhorias na mobilidade, já que estacionamentos em locais proibidos causam prejuízo para circulação de pedestres e veículos. As infrações podem, inclusive, retirar o direito de vagas especiais, destinadas, por exemplo, a idosos ou pessoas com deficiência, e até mesmo as regulamentadas para carga e descarga.

“Nosso departamento está focado em coibir essas práticas ilegais, para garantir o direito a todos”, afirmou o supervisor de Operações do DFTT, Marcelo Pianta. Ele alertou também sobre os bloqueios na entrada e saída de garagens e ocupações irregulares de locais de carga e descarga: “As pessoas devem se atentar para este tipo de infração, pois causa grande prejuízo a terceiros e é passível de remoção.”

De agosto a novembro deste ano, 253 veículos foram removidos e conduzidos aos pátios credenciados pelo Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG). As principais infrações são referentes a estacionamento irregular em local sinalizado por placa, em frente a garagens, em pontos de ônibus e sobre marcas de canalização.

As infrações que ocasionaram maior número de remoções em novembro foram os estacionamentos em local proibido, indicado por placa, com 17 ocorrências; em guia de calçada rebaixada, destinada à entrada e saída de veículos, com 15; e em pontos de embarque/desembarque de transporte coletivo, com 11. Em todos os casos, os veículos foram retirados das ruas e os responsáveis autuados por infração média, perda de quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e pagamento de multa no valor de R$ 85,13.

O estacionamento ao lado, ou sobre, marcas de canalização, totalizou 11 remoções. A infração é grave, com perda de cinco pontos na CNH, além de multa de R$127,69.

Em casos de flagrantes de infrações no trânsito, a equipe de agentes de fiscalização de transporte e trânsito pode ser acionada através do 2104-7400. A Central de Atendimento está atendendo temporariamente neste número, por conta de problemas técnicos da linha.


 Fonte: Assessoria/PJF

Logotipo do Grupo DMI    Logotipo da Agência Formigueiro